sábado, 3 de outubro de 2009

CINTAS OU FAIXAS...VENHA O DIABO E ESCOLHA!

Pois é desde a consulta pós-parto que tenho lutado com o meu roupeiro.Antigamente não me importava muito com a minha barriga...alias eu gosto de mim como sou e estas gorduras são fruto de um sonho concretizado que iram desaparecendo com calma, até que....
De manhã acordo :
-olham me de lado...
-olham ao que eu como...
-há maneira como me visto (acreditem que nada é espalhafatoso!)
ainda agora comprei 2 camisolitas e só não comprei calças porque não tinha o meu nºou melhor o nº que me servi-se..

E mais triste ainda me sinto quando a ingenuidade das crianças se manifesta na forma mais cruel...
"Mãe olha a barriga!"-quando estou com o Rodrigo ao colo e a pressão do peso dele sobressai ainda mais a barriguita com que fiquei.
"Mãe quando vais ficar como dantes?Ainda falta muito?"-será que teem vergonha ?
"Quando nasce o bebé?"-e eu com o meu menino ao meu lado...

E mais teem surgido ao longo destes quase 2 meses...eu sei que são crianças mas se elas o dizem sem claro me quererem magoar,imaginem o ke tenho ouvido dos adultos ...
Eu tenho sido bem forte mas realmente as pessoas com que tenho convivido tb são "fracas" ao me apontarem o dedo!
Caramba fui mãe há pouco tempo,e além disso é o 3º filho 3ª cesariana...e cada organismo reage de forma diferente!
Confesso que ainda não comecei a fazer dieta mas sei que o meu corpo irá ao "sitio",óbvio que as estrias essas ficaram mas eu não me incomodo com elas!

Esta semana até fui comprar um cinta-cueca daquelas que as antigas usavam ,tipo corpete e gostei do resultado que obtive,sinto me melhor com ela do que com as cintas normais que tinha ou mesmo com a faixa...mal se nota e nem faz calor,mas aperta pa caraças...

Sei que não é fácil perder 17quilos (o peso ideal a perder para a minha altura) e com estes comentários ando mesmo desmotivada para seja o que for...
Valha me os pensamentos positivos...hei-de ficar boazuda outra vez!

P.S 1 - A Barbara já está muito bem,hoje já foi há escolinha e correu bem veio foi muito rouca ,espero ke não fique doente agora da garganta...

7 comentários:

Necas disse...

Como te percebo tive 2 cesarianas em 18 meses e as pessoas que me são mais proximas foram as mais crueis,sempre a bater na mesma tecla o que nos faz sentir ainda pior, a minha mãe então parecia que vivia obcecada com a minha aparência e chegava-me mesmo a comparar com a enteada dela que sempre foi magra que não era o meu caso e acima de tudo nunca teve filhos, eu só comecei a emagrecer á 2/3 meses, com a minha já com um ano e para quem não sabe o corpo da mulher demora 2 a 3 anos a recuperar de uma cesariana, sorte a das que têem um metabolismo que ficam logo magerrimas não é o meu caso.Valeu-me a força do meu marido que sempre me limpou as lagrimas cada vez que me massacravam com esse assunto e elogiava os meus pneus,era o unico, força Carmo porque essas gordurinhas são o motivo do nosso orgulho e temos de estar bem para termos força para fazer dieta porque perder peso não é facil e ainda é cedo para te preocupares com isso, ainda estás a amamentar.Ainda bem que a princesa está melhor o meu tambem hoje não teve febre.Miminhos grandes e força.

Cati disse...

Oh linda! Cagari, cagaró para essa gente MÁ!!! Eu também ainda não fui ao sítio, certo que só fiz uma cesariana e estou a vestir o mesmo de antes, mas o pneu que eu não tinha instalou-se para ficar... Não fiques triste, pensa nos filhos lindos que geraste nessa linda barriguinha, e quando as tuas meninas, que já têm idade para perceber algumas coisas, se saírem com essas tiradas, diz-lhes que quando eram bebés adoravam estar na tua barriguinha gorducha e que se não fosse por ela elas não estavam cá! Foi por elas que ficaste diferente!

És uma linda, nunca te esqueças!
Quanto aos adultos... manda-os à.........

BEIJÃo!

Sandra C. disse...

Mulher... upa para cima nesse ânimo! Eu como te disse já perdi os kgs que perdi, no entanto a barriguinha (e que barriguinha...) cá anda, bem saliente. Como eu costumo dizer, quem não gosta põe de lado!
Eu ainda usei a faixa, mas é horrivél, talvez ainda compre a cinta-cueca, pois tenho apenas umas única calças de ganga a servirem-me!
Quanto ás calças de inverno, tenho a maioria a servirem-me no entanto, tenho algumas que adoro e que não fecham... agora achas que estou preocupada com isso? O importante é teres maminha para o teu menino... o resto são cantigas.
Quanto ás tuas meninas, elas já são grandinhas, explica-lhes que agora estás assim, mas é para bem do mano!
Quanto ao resto... entra a 100 e sai 10 000!!!!

Jokas
Sandra C.

Mafalda, Rui e Constança disse...

Sofro do mesmo mal, é a família toda a chatear-me mas não consigo, não tenho força de vontade, adoro comer porcarias. A única coisa que me chateia é não ter muita facilidade em comprar calças.
Beijinhos

Mafalda disse...

linda, eu sei que não é fácil, mas ânimo para cima! eu também passei por isso, apesar de nada que se compare com o teu caso, mas sei bem como os comentários das pessoas (e das crianças) podem ser muito maldosos! eu só ao fim de 6 a 7 meses de a Madalena ter nascido é que consegui vestir o nº de calças que vestia antes de a ter! A muito custo, é certo, porque ainda me ficavam apertadíssimas, mas eu já me sentia maravilhosa. Hoje, 11 meses depois consegui finalmente voltar a pesar o que pesava antes de engravidar: 61 kgs! Mas primeiro que os perdesse... penei a bom penar! e eu, que sempre fui magra e que estava convencídíssima que de ia ser 'tiro e queda', vi-me grega para conseguir perder os 11 kgs com que ainda fiquei depois do parto! A faixa usei-a durante mês e meio, dia e noite a apertar-me. Aquela porcaria doia como o caraças mas eu sentia-me tão mais elegante com ela posta por baixo da roupa, que aguentei até ao fim. A barriga baixou rápido, mas continua flácida, estriada e o belo do pneuzito a fazer-me companhia, mas quero lá saber! Sou eu, já tive uma filha linda e saudável e ai de quem abrir a boca! O que as pessoas precisam cada vez mais é que as coloquemos no lugar delas! aposto que tão depressa não tinham lata nem descaramento para dizer tanta parvoeira que a maior parte das vezes lhes sai da boca para fora!
beijinho grande e força! vais conseguir*

Mamã da Bruna e do Rafael disse...

Carmo, não há muito mais a dizer para além do q as outras meninas já disseram. De facto as (nossas) crianças são as mais crueis mas não o fazem por mal. Explica-lhes q é normal ainda ter uma barriguita, é normal as roupas ainda não servirem, é normal demorar, etc, tenho a certeza q vão compreender. Qt às pessoas "de fora" ignora, não é fácil, mas ou ignoras ou respondes na mesma moeda porque não há corpos perfeitos e geralmente qm mais critica é qm tem mais gordurinhas ou mais barriga, percebes.

Qd eu engravidei não imaginas o tipo de bocas q ouvia, primeiro estava tudo ansioso de me verem a "engordar", depois como nunca tive uma barriga grande começaram a dizer que ia ter um bebe pequnino, muitas vezes me apeteceu fazer-lhes sei lá o quê, mas as pessoas invejosas e más são assim mesmo , tenta sempre deitar-nos abaixo... as crianças, é a inocência delas e sem maldade!

Tem calma, estás a amamentar, isso tb faz com q o teu corpo retenha mais umas gordurinhas, come o mais saudável poss+ivel, mas sem cortares a nada e usa a faixa ou outra cinta com q te sintas bem, e vai fazendo um exercico que é o vacum... já felei dele no meu blog - http://simplesmenteines.blogspot.com/2009/02/exercicio-apos-cesariana.html - nt entrada!

Qd decidires dedicar-te a sério a perder o teu peso e se precisares de ajuda com alimentação e exercicios para fazeres em casa diz-me, eu ajudo-te!

Muita força nisso e toca a animar, foste mãe há 2 meses, por isso muita calma!

beijocas grandes

disse...

minha querida mama,como te compreendo a serio...este verao usei fato de banho e mal tirei a tunica na praia porque tinha real complexo.mas sempre que me disseram que estava tao gorda(foi mesmo isto que ouvi)eu respondia que tinha tempo de emagrecer e para perder a barriga tinha de fazer exercicio e com dois miudos pequeninos nao havia tempo,dei me ao trabalho de responder mas podia manda los à "bouça".
linda carmo nao te preocupes com os de fora,pensa em ti nos teus filhotes e explica as tuas ninas o que se esta a passar.

beijocas grandes.